A primeira Cúpula do W20 em Istanbul apelou aos líderes do G20 por mais igualdade de gênero e poder econômico para a mulher

A primeira Cúpula do W20 em Istanbul apelou aos líderes do G20 por mais igualdade de gênero e poder econômico para a mulher

A Cúpula do Mulheres-20 (W20) foi realizada em Istanbul nos dias 16 e 17 de outubro de 2015 com a participação de 36 representantes de 20 países e duas organizações internacionais, a ONU Mulheres e Organização Internacional do Trabalho. Vietnã, Camboja, Afeganistão, Nigéria e Uganda estavam entre os países representados na Cúpula, especialmente convidados pelo W20 Turquia em linha com a prioridade do país de fortalecer o diálogo com os Países em Desenvolvimento com Baixa Renda Baixa durante sua presidência do G20.

Foto: http://photos.prnewswire.com/prnh/20151020/278804
Foto: http://photos.prnewswire.com/prnh/20151020/278805

O presidente Recep Tayyip Erdogan dirigiu-se aos participantes durante a cerimônia de abertura e prometeu pressionar ativamente os líderes do G20 na Cúpula de Antalya para incorporar as recomendações do W20 no Comunicado aos Líderes.

“Um crescimento de alta qualidade significa mais empregos, padrões de vida mais elevados e uma distribuição de riqueza mais justa. O W20 tem a grande responsabilidade de contribuir e oferecer sugestões ao G20 em todas estas áreas”, disse o presidente Erdogan destacando que metas econômicas não serão atingidas a menos que as mulheres obtenham o status que merecem.

Ayse Sinirlioglu, o embaixador da Turquia e o sherpa do G20, Dr. Gülden Türktan, a presidente do W20 e Lakshmi Puri, a diretora executiva adjunta da ONU Mulheres também participaram do discurso de abertura. A primeira dama Emine Erdogan compareceu ao Jantar de Gala da Cúpula W-20.

O Comunicado do W20, adotado por consenso, apelou aos Líderes do G20 para promover o poder para a mulher fortalecendo os vínculos entre educação, empregos e empreendedorismo, apoiando o equilíbrio entre a vida e o trabalho, aumentando o número de mulheres em posições de liderança, garantindo o acesso das mulheres às finanças, eliminando a discriminação no ambiente de trabalho, dando suporte às redes de mulheres e às empresas de propriedade de mulheres, fornecendo proteção social adequada e contribuindo para a sustentabilidade.

O W20 concordou também em desempenhar um papel ativo na monitoração e solicitou ao G20 a criação de uma tabela de desempenho para se medir o progresso da participação da mulher na economia.

As recomendações do W20 compiladas no Comunicado da Cúpula serão transmitidas aos Líderes do G20 durante a Cúpula de Antalya do G20 nos dias 15 e 16 de novembro.

O W20 é um novo grupo oficial de engajamento do G20 estabelecido em 2015 com a iniciativa da presidência turca do G20. O grupo apoia os esforços do G20 para a obtenção do crescimento econômico inclusivo, sem discriminação de gênero e o empoderamento econômico da mulher. O lançamento oficial do W20 foi realizado em Ankara em 6 de setembro de 2015. O primeiro ministro Ahmet Davutoglu, a diretora-geral do FMI Christine Lagarde e o secretário-geral da OECD Ángel Gurría participaram do evento de lançamento.

A presidência turca do W20 é composta por três ONGs: Associação das Mulheres Empresárias da Turquia (KAGIDER), Associação das Mulheres de Negócios da Turquia (TIKAD) e Associação das Mulheres e Democracia (KADEM).

Comunicado da Cúpula do W20  

Programação da Cúpula do W20 

Contato: Mustafa Osman TURAN, Presidência turca do G20, +90-532-540-04-09 mturan@mfa.gov.tr

FONTE G20 Turkish Presidency

SOURCE G20 Turkish Presidency